A primeira experiência na liderança é decisiva para a sua carreira

A primeira experiência num cargo de liderança é uma grande oportunidade de desenvolvimento. Afinal, hoje em dia todos (independente do cargo) dependem da capacidade de influenciar e conseguir resultados através de outras pessoas.




O maior desafio para todas os profissionais que assumem a primeira liderança é mudar a mentalidade. É importantíssimo, o profissional entender que os resultados que o trouxeram até a liderança, não vai mantê-lo daqui para frente. Geralmente, um bom desempenho com as entregas individuais que fazem as empresas reconhecer o profissional com um cargo de liderança, porém, se o profissional continua agindo como um especialista isso pode ser dramático para o novo desafio. O especialista atinge o resultado com uma alta capacidade de execução que inúmeras vezes vai depender boa parte do tempo da sua capacidade de organizar-se e entregar as demandas no prazo. Já na liderança, você tem que ter uma alta capacidade de fazer entregas através da sua equipe. Isso exige novas habilidades, um período de adaptação e construção da identidade como líder. 


Atualmente as empresas até esforçam-se para alçar possíveis talentos para cargos de liderança, investem em treinamento e métodos de avaliação para identificar os próximos líderes, porém no ponto de vista do colaborador, essa transição é mais desafiadora, pois tudo parece muito teórico no momento em que você senta na sua mesa e tem a responsabilidade de liderar uma equipe. 


Há uma escassez de treinamentos voltados para a primeira liderança. A primeira experiência neste cargo tem muitas particularidades. No meu Programa de Formação de Novas Lideranças, eu apresento cinco pontos cruciais para fazer a nova liderança adaptar-se com mais facilidade ao novo cargo e principalmente produzir resultados rapidamente:


1 - Estratégias para os 30 dias iniciais: quando você deixa de ser membro de uma equipe para tornar-se líder dessa equipe ou mesmo quando você chega numa nova empresa para assumir o cargo de liderança pela primeira vez é decisivo você ter estratégias bem definidas para causar um impacto inicial relevante na equipe, no chefe e nos pares. Todos tem muita expectativa com o novo líder, a nova líder e neste momento é importante deixar o seu "cartão de visita" para que as pessoas enxerguem que você realmente é um líder confiável, competente e que pode ajudar a atingir os resultados. 


2 - Ter um modelo de comunicação assertiva: são 44 segundos para uma pessoa decidir conectar com a sua comunicação ou não. Em 44 segundos, o nosso cérebro identifica qual vai ser a experiência daquele diálogo. E na primeira liderança, a comunicação vai ser fundamental para você conquistar a confiança da sua equipe. Entender os modelos comportamentais e a melhor forma de dialogar com eles vai fazer a sua comunicação ser muito mais assertiva. Para isso é fundamental trabalhar com um modelo. 


3 - Tenha um sistema de delegação de tarefas eficaz: quando eu vejo líderes com anos de experiência cometendo erros que destroem a possibilidade de construir um caminho para o resultado, eu logo penso: ele não tem um sistema de delegação eficaz. Quando equipes emperram na realização de algo que produza o desempenho para os resultados é muito provável que a liderança não esteja considerando a relação competência vs. complexidade. Desafios de complexidade muito alta para perfis com competência muito inferior causam a paralisação das ações, assim como o inverso também é verdadeiro: complexidade muito baixa para competência alta gera desmotivação. 


4 - Gestão para Resultados: um dos maiores erros que os profissionais cometem na primeira liderança é querer agradar a todos. É compreensível o que acontece na mente da nova liderança, ele ou ela necessitam conquistar a confiança da sua equipe, só que o que pouca gente sabe, especialmente na primeira liderança é que conquistar a confiança nem sempre vai passar por "agradar a todos". O ideal é que você tenha um método que permita medir o "placar" para os resultados permitindo que todos enxerguem e concordem com o que precisa ser alcançado. Isso vai gerar a tensão produtiva na sua equipe levando-os para o resultado. 


5 - Produtividade para equilibrar as áreas da vida: a mudança que causa mais impacto na vida do novo líder é o tempo. O dia continua tendo 24 horas, porém para a primeira liderança a dedicação ao novo desafio termina resultando em mais horas na empresa e menos tempo para atividades pessoais. Para ser um líder que tem capacidade de transformar a vida das pessoas, você precisa primeiro transformar a sua vida. Negligenciar a produtividade pode trazer resultados indesejáveis na vida da nova liderança. 


Eu ando muito pelas empresas dando treinamentos e realizando processos de coaching executivo e quando eu vejo líderes cometendo erros que eliminam as possibilidades de levar as equipes a atingir resultado, eu percebo que muitos desses vícios foram adquiridos por não ter acontecido um bom preparo para a primeira liderança. 


Lembre-se: nenhuma necessidade de desenvolvimento é justificativa para mediocridade


Você merece ser muito feliz!

Cuide da sua carreira e até a próxima!


Quer saber mais como desenvolver as lideranças na sua empresa?

Clique aqui e saiba mais sobre o Programa de Formação de Líderes com Jonnas Lima

Entre para minha lista VIP e receba os conteúdos exclusivos:  

OBRIGADO!