Os 3 fatores que impedem a liderança conectar-se com a sua equipe

"Foco no resultado" foi durante muitos anos um jargão muito utilizado nas Escolas de Administração. O resultado continua fundamental, só que a forma de atingi-lo mudou totalmente. A liderança que antes era reconhecida pela capacidade de dar todas as respostas, agora com os desafios de geração e a entrada definitiva da inteligência artificial nos negócios, tem que ter a capacidade - cada vez maior - de fazer boas perguntas.




Neste contexto, modelos que apoiem a liderança a conectar-se com a sua equipe tornou-se decisivo para alcançar resultados expressivos.


No Programa de Formação de Líderes, meu treinamento que prepara líderes para obter resultados expressivos através de um novo jeito de liderar, nós exploramos 3 fatores que impedem a liderança de conectar-se com a sua equipe:


#1 Empatia Nociva

Na liderança todos os dias enfrentamos desafios relacionados a gestão e comportamento, porém muitos líderes ao invés de confrontar os problemas resolvem ficar em silêncio, preocupado com o impacto que pode ocasionar no outro. Isso pode parecer muito nobre, porém, é um modelo de empatia nocivo, pois não desenvolve o colaborador nos pontos que precisa ser enfrentados. O resultado costuma ser demissões injustificadas. Um desastre para o colaborador e para a liderança.


#2 Agressividade Desmedida

Diante do problema, o líder resolve utilizar de força excessiva para expressar o que ele quer. A ferramenta é sempre a força. Lembra aquele chefe "chiliquento" que saia berrando pelos corredores? Pois é! Utilizar a força o tempo inteiro faz a liderança causar o efeito inverso na equipe. No mundo em transformação constante ninguém conecta com líderes sem inteligência emocional.


#3 Manipulação velada

A manipulação velada é uma das práticas mais egoístas que podem haver na liderança. Ao contrário da empatia nociva, na manipulação velada o indivíduo fica quieto para preservar os próprios sentimentos. O líder evita confrontar o problema para não sofrer o incomodo que aquela ação vai gerar nele mesmo. Esse modo, além de não resolver o problema, trava totalmente o desenvolvimento da equipe. Ninguém confia no líder!


O fato é que diante dos cenários de negócios cada vez mais desafiadores, por inúmeras vezes este tipo de comportamento não é praticado pela liderança de maneira intencional. Quase sempre o que falta é encontrar ferramentas assertivas que faça a liderança se desenvolver e desenvolver a sua equipe.


Encontrar um novo jeito de liderar vai ser fundamental para as lideranças que querem alcançar resultados expressivos através das pessoas.


Lembre-se: nenhuma necessidade de desenvolvimento é justificativa para mediocridade


Você merece ser muito feliz!

Cuide da sua carreira e até a próxima!


Jonnas Lima é Educador Executivo e tem a missão de conectar pessoas e empresas aos resultados. Ele faz isso através de conteúdos personalizados em formato de palestras, workshop e treinamentos. Leve este conteúdo para a sua empresa. Clique aqui.

Entre para minha lista VIP e receba os conteúdos exclusivos:  

OBRIGADO!